Terça-feira, 30 Janeiro 2024

#informaçãoSEMfiltro!

Desmistificar a arbitragem: Todos são agentes de mudança

Vai decorrer no próximo sábado, 19 de março durante a manhã, no Fórum Rodrigues Sampaio em Esposende, uma sessão dedicada ao tema: “A arbitragem para todos”, que vai ser moderada pelo principal coordenador da comissão de apoio técnico da Associação de Futebol de Braga, Professor Arlindo Coimbra, e demais elementos desta comissão. Fazendo as honras da casa José Sousa, presidente da Associação Desportiva de Esposende, fará a introdução do tema e passará a palavra aos intervenientes.

A sessão é gratuita e tem como objetivo a sensibilização da aprendizagem da arbitragem nos tempos que correm. Esta iniciativa é dedicada a todos os agentes desde as famílias, nomeadamente os pais, os filhos, como jogadores de futebol, Agentes desportivos, diretores, encarregados de educação. É uma ação de formação aberta a todo o público que se interessa pelo futebol em si e pela arbitragem em geral.

É fundamental nesta sessão desmistificar que a atuação do árbitro tem de ser encarada de frente e é cheia de defeitos e virtudes, e que o árbitro também tem o direito de falhar, isso dá espontaneidade ao jogo em si e torna-o mais rico. José Sousa defende também que há que haver uma aprendizagem da arbitragem em Portugal, e não com a violência e o enxovalho que os atletas e os árbitros vão lá, não se pode legitimar a força da violência verbal e até física. Há muito que aprender sobre a arbitragem, e o árbitro não é uma máquina infalível. É essencial que haja essa educação para bem de todos.

Também nos adiantou que, tem que se acabar com os ambientes tóxicos na arbitragem, e por vezes penalizam-se os clubes e as instituições. Muitos destes árbitros são árbitros desde os 17 anos. “Queremos ser os melhores, por isso faz parte da aprendizagem, ajuizar estes comportamentos, não só para Esposende como também noutros locais. Há muito ruído noutros locais, que não Esposende, temos de dar tolerância zero”, desabafa José Sousa.

Como já referido anteriormente esta promoção é gratuita, e “desafiamos o Conselho de Arbitragem, o Sr. Cunha Antunes, e a Câmara Municipal de Esposende, na pessoa do Sr. Vereador Mário Rui Losa, a fazer parte desta ação, e como temos uma parceria com o N Semanário, contamos com o seu apoio na promoção e divulgação”.

O alvo, são todos os que quiserem estar presentes. “A nossa perspetiva é passar das palavras à prática, é no sentido de despertar consciências. Há que educar pais e filhos, dirigentes e presidentes. Todos estão focados na vitória, mesmo os instaladores do medo nos programas desportivos, não sensibilizam, só sabem apontar erros. São cada vez mais tóxicos, porque se alimentam da polémica, só vêm o problema, focam-se no problema, em vez de corrigir, estão sempre a apontar o erro, mesmo na arbitragem”, vinca José Sousa.

“Há que haver uma forte componente de aprendizagem, e todos têm a ganhar”, encerra desta forma José Sousa, presidente da ADEsposende.

outras notícias

SIPE Barcelos/Esposende organiza amanhã Seminário “Municipalização e/tem Futuro!?”

O Sindicato Independente de Professores e Educadores (SIPE) vai organizar amanhã, sábado, 27 de janeiro, das 14h às 18h, um Seminário de curta duração...

Hoje A TERRA TREME às 11:14

A TERRA TREME é um exercício nacional de sensibilização para o risco sísmico promovido anualmente pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), em colaboração...

Só os burros é que não mudam!

Esta afirmação, imortalizada um dia por Mário Soares, não podia estar mais correta e atual. Ainda que 43% dos portugueses leiam jornais, apenas 30% destes...

Arcozelo em Festa foi um sucesso e é para continuar (c/ vídeos)

Ao longo de dois dias, a freguesia de Arcozelo, em Barcelos, esteve em festa, com o recinto a ser pequeno para tanta procura. A abertura...